Seminário Internacional


 

Como foi realizado


O Projeto foi realizado em três etapas, a começar com a realização de Rodadas Regionais destinadas a debater, entre os AFRs do estado, a crise do Fisco. Em que consiste a crise? Como chegamos a ela? Como pensamos sair? São temas que devem ser tratados nessas Rodadas.

A fim de reafirmar seu compromisso com os problemas da tributação do consumo no Brasil e a urgência de sua reforma, o Seminário Internacional ‘Tributo ao Brasil – A reforma que queremos’ é o ponto mais alto do projeto VIVA, que nasce dos fiscais, mas não é dos fiscais. Nasce em São Paulo, mas é de todo o Brasil.

Os dias 29 e 30 de maio foram escolhidos para apresentar ao público o panorama da crise sofrida pelo Fisco Paulista e suas relações com um tributo de qualidade da base do consumo. Alcançar o Seminário Internacional, depois de haver passado por duas etapas, significa desafiar o Fisco e, em diálogo com agentes externos, reunir os porquês da crise interna conectada à outra muito maior, dessa vez de dimensão nacional.

As respostas para o alastramento dos prejuízos provocados pelos atuais impostos, notadamente da base do consumo, por toda economia, que compromete seu crescimento, alcança o ambiente de negócios, afeta o equilíbrio federativo e compromete as próprias administrações tributárias, talvez não venham de imediato. Porém o Seminário Internacional pretende se aprofundar nessas questões e trazer alternativas a esse cenário já desgastado. Para essa empreitada convidamos, além do público formado por Auditores Fiscais de todo o Brasil, autoridades fazendárias e governamentais, membros da Academia, especialistas internacionais, políticos, jornalistas e representantes do setor produtivo.

O VIVA quer e defende a construção de um novo modelo de reforma tributária. Para tal, o Seminário é a oportunidade de dar um novo passo nessa direção, confrontando os princípios defendidos pelo Movimento VIVA com as propostas que ‘estão na mesa’. Durante a programação, o público poderá conhecer a fundo as principais propostas de reforma tributária em discussão no Brasil. Convidados também retratarão a visão da reforma segundo os pressupostos assumidos pela academia, pelo setor produtivo, pela União e pelos estados. Além disso, serão exibidas algumas experiências internacionais com o Imposto sobre Valor Adicionado (IVA), notadamente na Argentina e na União Europeia, e, para finalizar, serão discutidos os movimentos que serão necessários para que as administrações tributárias se qualifiquem para gerir um possível novo imposto.